Diário Fisterra - dias 12 a 14/06

12-06 (44) Fisterra até Olveira – 32 km

Chega de folga, foram 4 dias de descanso, quase não andei. Pé na trilha. Vou fazer o caminho de volta até Santiago em 3 dias, vai ser mais puxando que na vinda que foram 4 dias.

A primeira coisa diferente é a velocidade de aproximação dos peregrinos. Quando no mesmo sentido 1 km/h, quando parado 5 km/h, já em direção oposta 10 km/h, isso implica que em dizer 10 vezes mais “bue camino”. Estou vendo muito mais peregrinos, ver seus olhos, seus rostos, algumas lagrimas e muitos sorrisos.

O caminho direto de Santiago a Fisterra tem uma bela vista do mar, dá para ver o farol a uns 25 km e, do alto, já a chegada por Muxia, pude ver a praia apenas a uns 2 km.

 

13-06 (44) Olveira até Negreiro – 34 km

Amanheceu chovendo, iniciar o dia desde cedo com chuva, é ruim! Um dia comprido literalmente, muitos quilômetros.

É interessante observar os rostos dos peregrinos quando me veem indo na direção oposta. Percebo um olhar de admiração, olhar de duvida, olhar de estranho. Alguns param para conversar, pedir informação, ou apenas bater papo.

Sempre gostei de fazer escolhas fora do padrão, caminhar no sentido de volta é bastante incomum, em 3 dias ainda não encontrei ninguém fazendo o mesmo. Sinto-me bem fazendo coisas diferentes.

Depois de caminhar mais de 1000 km, surgiram às primeiras bolhas, não entendi.

A chuva estava persistente porém, o vento desta vez era a favor. Sem chuva no rosto, como na ida, é bem melhor! Prefiro sem chuva, claro.

Um jantar com peixe a milanesa e arroz branco, que delícia o arroz, comi puro, saudades.

No restaurante havia alguns alemães, parece que todos os aposentados vêm fazer o caminho, em grupo ou outros sozinhos. Um bom programa, boa comida, boa paisagem, bom vinho, boa conversa, novos amigos e barato. Necessita apenas de vontade de andar, eles andam bem. É bonito ver os cabeças branca ou carecas caminhando. Será que com 70 anos terei a mesma disposição? Esperar para ver.

Amanha será um dia tranquilo, ao chegar a Santiago devo procurar a polícia para renovar o visto de turista, ir atrás de opções de bike e me preparar para a próxima etapa.

Vou mudar, ao invés de caminhar, resolvi fazer o caminho de bike, ao invés de voltar pelo mesmo caminho, resolvi fazer o caminho via de La Plata que é de Sevilha até Santiago, com cerca de 1000 km.

 

14-06 (45) Negreiro até Santiago – 21 km

Muitos peregrinos sorrindo quando cruzávamos, vários param para conversar, eu estava sem pressa, a disposição para dar informações e conversa fiada.

Na metade do caminho a bolha começou a incomodar, tirei a bota, coloquei, foi difícil concentra-me para esquecer o incomodo. Com o tempo consegui e a dor foi embora.

Chegando a Santiago, comecei a me preparar para o próximo caminho. Todo o fim tem um começo, vamos lá.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

For a professional business hosting we highly recommend hostgator review or cloud hosting
Joomla Templates designed by Joomla Hosting