Encontros e Reencontros

Estou tendo uma sensação parecida com a que tive quando saí da Espanha, aquela de quero mais. Fizemos vários encontros para selar as novas amizades e tentar retribuir o carinho que recebemos nesse tempo que vivemos na Itália.  Vou escrever rapidamente sobre os encontros, isso serve para reforçar o trabalho de aumentar a capacidade para lembrar-se de fatos, e no futuro relembrá-los.

Convidamos a professora de aquarela, seu marido e o vizinho para jantar em nossa casa, foi bastante descontraído, o vizinho trabalha como guia turístico em Florença e tem muitas histórias e piadas divertidas. O cardápio foi brasileiro, camarão na moranga, cuscuz paulista e uma esfolhata de abobrinha (esse resultado das aulas de culinária), claro que o vinho era nacional!

Quando nos formamos no curso de cozinha italiana, nos comprometemos a fazer um jantar especial para a professora, aí foi a oportunidade. Dessa vez os postos foram invertidos, a professora virou aluna e a minha esposa a professora.  Foram vários pratos diferentes, um verdadeiro banquete. Além dos pratos do primeiro jantar, tivemos uma comida especial, moqueca baiana, com direito a leite de coco e azeite de dendê. De sobremesa, abacaxi flambado com gengibre, acompanhado de sorvete.  Foi interessante a troca de experiências.

Uma das atividades importante era terminar as obras artísticas começadas, tive que dosar a velocidade e me esforçar para finalizar tudo.  As esculturas devem, após serem modeladas, secar bem, ir para o forno, pintar e depois voltar ao forno, as vezes mais de uma vez. Deu tempo, porém duas delas tinham ar dentro e quebraram, tive que colar e mudar o processo. O resultado ficou diferente do imaginado!!

Um jantar especial, os mesmos pratos acima, mas com todas as correções já praticadas, devido a algumas mudanças de ingredientes. Foi com os proprietários da casa, a filha, o cunhando e o amigo que está indo para o Brasil escrever um livro e fazer um sabático de 6 meses. Como todos os encontros, foram muitas risadas e piadas, queria lembrar alguma para rimos juntos, mas essa memória ainda não está boa!!

Não é para esnobar, mas os jantares fizeram um grande sucesso.

Na missa de despedida, o sermão foi sobre a ideia do arrependimento, que aborda o conceito que temos até o último suspiro para isso (será que é por ai?) caso contrário, iremos queimar no fogo eterno! Para mim, isso é pesado, parece uma forma de substituir a força física pela força espiritual e tentar promover a “subjugação” através do medo ou do castigo eterno.

Enfim, fomos a Roma, vou deixar esse relato para um texto específico. Quando voltamos para Siena, estávamos exaustos, em 3 dias vimos o que um turista normal demoraria 10 dias. Sentia uma mistura de sensações, preguiça, ansiedade, vazio, desejo de fazer não se sabe o que. Descobri que tudo isso se resolvia acalmando o ritmo e deixando as coisas acontecerem normalmente e tranquilamente. Acho que essas sensação é normal, quando estamos concluindo um protejo e começando algo novo.

O último domingo foi tranquilo, dormimos até tarde e fomos passear em mais uma cidade, Lucignano, fica a uns 30 km de casa. Mas uma vez surpresa, estava acontecendo uma festa, toda cidade cheia de barracas e todos vestidos de roupas chiques, dos anos 500 a 700, encontramos um restaurante charmoso com uma bela vista.

A lista de roupas à comprar ainda tinha que ser terminada, fomos novamente ao outlet, chegamos as 10:30 e saímos as 20:00 horas.  Conseguimos comprar 90% do planejado, os 10% restantes ficaram para um futuro distante. Ainda não consegui gostar dessa atividade!!!

Havia alguns locais que não tínhamos visitado e reservamos um dia para isso. Podemos dizer que foi um passeio místico, iniciamos conhecendo a Comunidade de Ética Vivente da Cidade de Pieve (http://www.comunitadieticavivente.org).  Um local que tem conceitos que me identifico e são parecidos com aqueles que encontrei no Centro Imaginalia de Alicante.

Almoçamos num pequeno restaurante no Monte Amiata, um vulcão adormecido que tem muitas fumarolas, até aproveitam o calor para gerar energia elétrica. A comida estava fantástica, foi uma das melhores que comi na Itália (Albergue Aivole, na comune di Arcidosso).

Perto do restaurante existe uma comunidade budista, com um belo templo e salas para estudo e retiros, www.dzogchen.it, foi uma vista rápida, mas de valor.

No caminho de volta para Siena, havia muita serração, estamos no alto da montanha no meio da floresta de castanheiros e outras árvores, as folhas já começaram a cair e forram o chão, é o outono. Algumas árvores ficam com as folhas vermelhas, parecia que estávamos no meio das “Brumas de Avalon”. Dirigimo-nos a Abadia de Sant`Antimo, http://www.antimo.it, queríamos chegar para missa que é toda cantada, não deu!!

Para encerrar o dia, passamos ao mundo profano, vimos um belo por do sol na cidade de Montalcino acompanhado de um bom copo do vinho.  Rodamos 250 km nesse dia e acredito termos finalizado os passeios pela região com “chave de ouro”.

Dois dias antes de partir, da mesma forma que fiz na Espanha, é dia de arrumar a bagagem, desmontar a moto, a bike e carregar os carros.  Depois de 6 horas intensas de trabalho duro, tudo pronto. Descansar e encontrar outros amigos, fomos conhecer um novo local, Borgo de San Gusme, risadas e nostalgia, está acabando!!!

Último dia em Siena, dia de descanso e relaxamento. Caminhar nas belas estradas que cercam a propriedade, observar atentamente a paisagem e descontrair. Na cidade, almoçar na Piazza Del Campo e encontrar um bom restaurante, comemos uma salada de fungo Porcini fresco, eles acabaram de nascem e são muito saborosos. Terminamos assim a saga gastronômica, também com chave de ouro, comtemplando o movimento dessa linda praça medieval.

Encontrar amigos e “presenteá-los” com obras que não levarei para o Brasil.

Para finalizar, fomos à termal de San Giovanni, fica a 15 minutos de casa, no meio do campo em uma colina. Bela vista do por do sol, música ao vivo e jantar de despedida, claro que com um clima romântico e banho de piscina com água quentinha!!

As 12:00 horas de sábado, dia 06/10, saímos com dois carros com destino a Valencia, essa história fica para o próximo texto.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

For a professional business hosting we highly recommend hostgator review or cloud hosting
Joomla Templates designed by Joomla Hosting