Giro pela Ligúria-Itália

                Antes de prosseguir a viagem, após a linda noite em San Pellegrino in Alpe, com uma lua quase cheia e muitas estrelas no céu, fomos passear nas montanhas e apreciar as paisagens. Escolhi um belo local, paramos e colocamos as cadeiras de praia, escrever e desenhar, saborear a vista e o ar da montanha.

                Próximo destino, praia e mar. Viajamos sem rota e reservas, isso dá liberdade, mas também gera um pouco de tensão para achar onde passar a noite. Durante o dia é gostoso, pois vamos rodando, parando onde dá vontade, escolhendo por intuição os caminhos ou com alguma ajuda dos guias, é claro. Quando a tarde começa a avançar, é hora de trabalhar e procurar aonde dormir.

                Estávamos na região chamada de Cinque Terre, montanhas altas a beira do mar com pequenas praias e vilas. A hora passou rápido, quando percebemos era noite e estávamos sem hotel, os que encontrávamos estavam lotados ou não era bem o que idealizávamos. Já havíamos passado por algumas opções, La Spezia, Portovenere e Monterosso al Mare, mas eu desejava um local que fosse possível ver o por-do-sol no mar, olhando no mapa e procurando na internet, apostamos em uma pousada no alto da montanha na cidade de Levanto.

                Aposta ganha, uma vista encantadora, o quarto com uma bela sacada, piscina com fundo infinito para o mar. Essa região é muito bonita, lembra à região da costa Malfitana, ficamos por dois dias explorando a pé, de trem, ônibus e barco. Ela é toda interligada, dá para ir de uma vila a outra, parar em praias, lojinhas e restaurantes, escolhendo qualquer um dos meios de transporte. Os principais locais que conhecemos foram Riomaggiore, Manarola, Cornigila, Vernazza, Monterosso al Mare e Levanto.

                Deixamos Cinque Terre com a sensação de quero mais, porém um novo local e uma nova surpresa nos esperavam.  Seguimos subindo a costa italiana, vários locais interessantes, paramos em Rapallo para almoçar, gostamos da cidade e resolvemos ficar ao invés de avançar, achamos um hotel antigo, porém muito bem localizado, em frente a um pequeno forte.

                Era o dia do inicio da festa da padroeira da cidade, Santa Montallegro, quatro dias de comemoração. Durante a tarde me instalei na beira do mar e fui treinar pintar com aquarela, minha esposa foi à praia e explorar o comércio local. À noite a cidade estava lotada, todos passeando de um lado para o outro.

                Acordamos com explosões, abrimos a janela e vimos que era o inicio das festividades do dia, da sacada deu para ver o movimento, fogos, rojões, canhões, pólvora, fumaça colorida, muito barulho, no intervalo das explosões, a voz de um padre contava o significado da comemoração, tudo isso as 8 da manhã.

                Saímos dessa vez de barco, fizemos um roteiro turístico da região, Santa Margherita, Porto Fino, San Fruttoso, novamente lindos locais. Podíamos descer do barco e subir em qualquer deles, conclusão, banho de mar em um local, almoço noutro e sorvete com café em outro.

A noite havia apresentação de orquestra sinfônica no minarete, por coincidência, a final da Eurocopa entre Itália e Espanha, no mesmo horário. Resultado, bares cheios e concerto vazio, melhor para nós, pena dos italianos que perderam de quatro.

                Na sacada do quarto, em uma posição privilegiada, vimos por mais de uma hora um espetáculo de fogos de artificio, ao fundo, o mar e o forte. Um show que não esperávamos, mais um belo presente de aniversário e de quebra a lua estava cheia e o céu limpo.

                Seguindo a viagem, fomos de trem até Genova, assim evitamos o tráfego da cidade e aproveitamos para ver o caminho de outro ângulo (escuro! muitos túneis). Genova é uma cidade grande, com um grande porto e belos locais para visitar, vimos muitos imigrantes e turistas nas ruas. Ruas largas, prédios restaurados, etc., um lugar que merece ser conhecido com mais tempo.

No mesmo dia, começamos a fazer o caminho de volta para casa, dessa vez usei a autoestrada, até então, trafegava apenas pelas estradas vicinais. Programamos parar em lugares que pulamos na ida, fomos direto para Marina di Pietrasanta.

                Deixamos a Ligúria e voltamos a Toscana, a vista ao fundo é das montanhas brancas de mármore (Alpi Apuane), conhecido no mundo todo pelo famoso mármore de Carrara. As praias agora são longas, uma infinidade de guarda-sóis, praias privadas, uma ao lado da outra, a perder de vista. O balneário ao lado é Forte di Marmi, lugar elegante, dezenas de belos restaurantes e lojas chiques. A noite é um desfile de moda, pessoas bem vestidas passeando pelas ruas e lojas, quase todos andando com suas bicicletas charmosas.

                Fomos experimentar um desses locais privados de praia, na realidade parecem clubes, têm restaurantes, piscinas, banheiros, vestiários, jogos, as pessoas se conhecem e fazem rodas para bater papo. Eu aproveitei para praticar desenho com lápis, fiquei vermelho do sol, mesmo sem sair da sombra. Quando o calor deu um refresco, pegamos as bicicletas e fomos passear pelos parques e lojas.

                O pequeno giro estava acabando, antes passamos pela cidade de Pietrasanta, local que artistas fazem esculturas com mármore e outras pedras de todo o mundo. Existem várias oficinas de trabalho, visitamos algumas e vimos às obras em criação, alguns artista cobertos de pó branco.  Mesma local que Michelangelo andava para escolher seus blocos, um deles deu origem ao famoso Davi. Quis ver de perto as montanhas brancas e a extração, é impressionante o que o ser humano conseguiu fazer ao longo desses 2 mil anos de exploração.

                Para encerrar, passamos por Lucca, alugamos bicicletas novamente e rodamos pela cidade, mais uma vez, um local agradável. Para fechar o dia, um maravilhoso jantar com por do sol em um restaurante em cima da muralha que cerca toda a cidade.

                Enfim, voltamos para casa, retomar as atividades continua sendo uma grande viagem!!!

                Criei um álbum com o nome Ani Clovis - Liguria tem fotos de todos esses lindos locais, dá para ver o lugar certinho onde tirei a foto, quase todas têm as coordenadas do GPS.

Comentários  

 
0 # fotoAndre 19-07-2012 12:32
A foto 85 do álbum Ani Clóvis é muito bonita!Que lugar maravilhoso!
Responder | Responder com citação | Citar
 
 
0 # RE: Giro pela Ligúria-ItáliaClovis Fernando Greca 21-07-2012 18:05
Sim, um belo por do sol. Estavamos na piscina da pousada na cidade de Levanto. Gosto muito de ver o sol desaparecer lentamente no mar. Quando mantenho a atençao no sol, dá a sensacao que o tempo se alonga.
Responder | Responder com citação | Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

For a professional business hosting we highly recommend hostgator review or cloud hosting
Joomla Templates designed by Joomla Hosting